Get Our 2020 Fall Campaign Flyer

Namoro.com: sites de relacionamento

Vinte e nove pontos de compatibilidade é um das apregoadas estratégias do serviço mundial de encontros chamado eHarmony. Apesar de eu entender o que eles e inúmeros outros sites de relacionamento estão tentando realizar, juntando jovens, homens e mulheres, há várias questões que esta metodologia levanta.

Harmonia ou desarmonia

Uma de suas estratégias é combinar as pessoas de acordo com seus pontos fortes e fracos. Eles chamam isso de seus 29 pontos de compatibilidade. É uma boa idéia na teoria, mas não há nenhuma garantia bíblica para essa idéia. Os casais mais felizes que eu já conheci são aqueles que são diferentes, mas maduros o suficiente para celebrar as suas diferenças, vendo-as como uma oportunidade para glorificar a Deus.

Adão e Eva eram diferentes. Eles eram muito diferentes. Adão tinha perdido uma costela e Eva foi a costela de que ele precisava. Adão não precisa ser copiado igualzinho, a fim de se completar. Ele precisava de algo que era diferente de si mesmo. Ele não precisa de outro Adão. Ele precisava de Eva.

Eva não precisava de outra Eva para completá-la. Ela precisava de alguém diferente dela mesma e quando essas duas pessoas diferentes se uniram, fizeram uma perfeita união: “uma carne”.

Pecado: a Grande Negação

Tenho visto muitas vezes no aconselhamento a mulher realmente querendo que o marido seja como ela. Ela quer um marido/melhor amiga. Ela zomba de sua masculinidade, como se ser mulher fosse a personificação de todas as coisas boas e a masculinidade fosse uma espécie inferior, que ainda precisa evoluir.

O sujeito, por outro lado, não é diferente em seu pensamento. Ele quer um companheiro-de-cerveja assistidor-de-futebol com quem possa ter relações sexuais. Ambos são pessoas egoístas que estão mais interessados em ter os seus desejos satisfeitos à sua maneira, em vez de apreciar as diferenças do sexo oposto ordenado por Deus.

Sua pecaminosidade mútua nega a glória da união em uma só carne que eles deveriam estar desfrutando. O homem quer uma mulher-amigão e a mulher quer um homem-feminizado.

Se os dois cônjuges pudessem fazer um leve ajuste em seus desejos e expectativas, poderiam despertar de seu sono, como Adão, e perceber que Deus fez para cada um deles o companheiro perfeito, embora diferente. (ver Gênesis 2.18-25).

1/2 + 1/2 = 1

Foi só quando Lucy e eu percebemos que éramos diferentes por desígnio de Deus que nós entendemos plenamente o objetivo da união em uma só carne. Nós somos muito diferentes! As pessoas que nos conhecem sabem que somos realmente diferentes. Mas nos complementamos. Nós preenchemos as lacunas um do outro.

Lucy tem uma infinidade de dons que eu não possuo. E eu tenho alguns que ela não possui. Quando estamos juntos, nossas diferenças nos fazem uma equipe formidável para a glória de Deus. Nós não somos iguais e eu louvo a Deus por isso. Eu não quero outro eu e ela não precisa de mais uma Lucy. Quero algo diferente do que eu. Somos diferentes para a glória de Deus, mas levou alguns anos para entendermos isso, nos arrependermos do nosso egoísmo inerente e celebrar nossas diferenças.

Lucy me ensinou a apreciar algumas das melhores coisas da vida e agora ela torce para o time de basquete Tar Heel, da Carolina do Norte – aliás, não sei por que alguém não torceria para eles.

Print Friendly, PDF & Email
Filed Under:
Tagged: